Conhecer — Conectar — Transformar

QuemSomos?

Fundamos a Rede Conhecimento Social em 2016, como organização sem fins lucrativos, com o objetivo de juntar diversas formas de construção de conhecimento a diversas formas de colaboração, co-criação e compartilhamento de saberes.

Para nós, todos temos saberes, que quando organizados e compartilhados geram conhecimento com alto potencial de transformação.

Somos uma organização spin off do Instituto Paulo Montenegro (instituição que conduziu o investimento social do Grupo IBOPE até 2015), trazendo em nosso DNA a experiência em colocar a serviço da sociedade o uso de pesquisas para fins sociais, sempre por meio de estratégias colaborativas e formativas.

Sobre Nós

Nossa Missão

  • Promover a construção participativa de conhecimento, estimulando e conectando pessoas, grupos, organizações e seus saberes, para gerar mobilização e transformação social.

Nossa Visão

  • Acreditamos que conhecimento transforma, ainda mais quando compartilhado.

    Acreditamos que há muitas formas e espaços para se construir conhecimento. Acreditamos que todas as pessoas têm saberes que contribuem para construir conhecimentos sobre a sociedade.

    Queremos juntar essas diversas formas de construção de conhecimento, as diversas formas de colaboração e compartilhamento de saberes.

Nossos Valores

  •   Participação social e democrática

      Aprendizagem colaborativa

      Pluralidade de pessoas, visões, opiniões e leituras da realidade

      Transparência

      Atuação em parceria

      Ética

Metodologias Próprias

PerguntAção

  • Promove a construção coletiva de consultas participativas de opinião como estratégia para gerar engajamento e mobilização. Trata-se de um processo colaborativo que une pessoas de diferentes perfis para conceber e desenvolver, em grupo, um levantamento de opiniões sobre o contexto em que estão inseridas. Na prática, o grupo passa por um processo formativo que percorre etapas de construção de uma pesquisa. Essa construção colaborativa de conhecimento, na realidade, é uma estratégia de mediação de diálogo entre pessoas com diferentes experiências e perspectivas, direcionadas a um objetivo comum.

    Saiba mais

Consulta entre Pares

  • Busca dar autonomia para organizações, grupos e pessoas que atuam com temas ou territórios específicos, a partir da construção de instrumentos estruturados para levantamento de percepção e apoio para a análise dos resultados, sempre de forma autônoma e flexível. Para tanto, são produzidos guias para facilitadores, com passo a passo completo para orientar as ações a serem desenvolvidas.

    Visa dar oportunidade para que pessoas de todos os contextos dialoguem com seus pares, opinem e façam sugestões sobre questões que as afetam.

Olhar colaborativo sobre indicadores

  • Tem por objetivo estimular a coleta, organização e leitura de indicadores sociais para estimular o planejamento e monitoramento de políticas públicas. São públicos deste método prestadores de serviços públicos e equipes de organizações que atuam com incidência em políticas públicas.

Oficinas participativas

  • A partir das experiências com as demais metodologias e a criatividade de nosso time, desenhamos dînâmicas participativas para construção de conhecimento em oficinas de diferentes formatos.

Outras Metodologias

Ambientes Acolhedores
para Crianças e Adolescentes
(Child Friendly Places)

  • Desenvolvida em parceria com o Children Environment Research Group (NY) e diversas outras organizações no mundo, trata-se de um kit metodológico que contém ferramentas intergeracionais de monitoramento, planejamento, advocacy e ação, que visam empoderar crianças, adolescentes e adultos na construção colaborativa de melhorias em seus ambientes do cotidiano.

    Qualquer pessoa ou grupo pode ter acesso à metodologia e realizar a aplicação autônoma de suas atividades, utilizando os guias passo a passo disponíveis no site:

    Acesse aqui

Photovoice

  • Este método participativo, baseado nos conceitos de pesquisa-ação, mescla técnicas fotográficas, etnográficas e semióticas, estimulando que pessoas realizem registros fotográficos para posterior reflexão sobre suas realidades, de modo a se empoderarem e se mobilizarem socialmente.

Metodologias de pesquisa

    • -Moderação de Grupos focais (ou grupos de discussão)
    • -Entrevistas em profundidade
    • -Planejamento e análise de pesquisas sociais quantitativas e qualitativas

Mapa

Desenvolvimento local
Diagnóstico para planejamento
Mobilização e sensibilização
Monitoramento e avaliação
Produção e disseminação de conhecimento

Temas

Acompanhamento legislativoAcompanhamento legislativo
AdolescentesAdolescentes
CriançasCrianças
Desenvolvimento institucional
DrogasDrogas
EducaçãoEducação
FamíliaFamília
Garantia de DireitosGarantia de Direitos
GêneroGênero
JuventudeJuventude
Lazer e CulturaLazer e Cultura
Leitura
Licença social para operarLicença social para operar
Logística ReversaLogística Reversa
Medida SocioeducativaMedida Socioeducativa
Meio AmbienteMeio Ambiente
Monitoramento de projetos
ParticipaçãoParticipação
Responsabilidade socialResponsabilidade social
SaúdeSaúde
SegurançaSegurança
SustentabilidadeSustentabilidade
TecnologiaTecnologia
Trabalho e Geração de RendaTrabalho e Geração de Renda
TrânsitoTrânsito
Uso de Espaços PúblicosUso de Espaços Públicos
VoluntariadoVoluntariado